O politicamente correto limita a liberdade de expressão? CONVERSA #nuncamais


Partilhar / Share

Conversas #nuncamais (25 de abril sempre)!


Quando: 21 de abril de 2020, às 21h30
Onde: Com Calma – Espaço Cultural (R. República da Bolívia 5C, Benfica, 1500-475 Lisboa)


Convidada: Cátia Domingues (humorista e guionista)
Moderação: Joana Dias (Academia Cidadã)


O politicamente correto pode ser sinónimo de educação ou, pelo contrário, de uma espécie de censura. Algumas pessoas vêem-no como a ditadura da maioria. Outras entendem-no como um inimigo imaginário.
O termo é utilizado pela primeira vez nos EUA no final dos anos 80, para criticar professores e académicos que utilizam um tipo de discurso radical de esquerda para moldar as mentes da juventude norte-americana. A extrema-direita vai mais longe, substituindo-o pelo termo “marxismo cultural”, que estará a tomar conta da cultura ocidental para a destruir.
Então, o politicamente correto realmente existe? Será que a liberdade de expressão, enquanto direito fundamental consagrado na Declaração Universal dos Direitos Humanos, deve incluir o direito a ofender, denegrir ou discriminar pessoas? Ou será que o pudor de não ofender ninguém deve limitar discursos ou quaisquer formas de expressão? Quem define o que é ofensa do que não é? Corremos o risco real de nos transformarmos todos em polícias do discurso?
Para ajudar a debater estas e outras questões, convidamos a Cátia Domingues (humorista e argumentista), numa conversa aberta a toda a gente, moderada pela Joana Dias, activista da Academia Cidadã.
Vens conversar connosco?


Evento no Facebook


Na terceira terça-feira de cada mês (exceto em dezembro, que será no dia 10), às 21h30, no Com Calma – Espaço Cultural (Benfica), lançaremos uma nova pergunta provocatória, baseada num preconceito, estereótipo ou bode expiatório veiculado pelos movimentos neofascistas. Junta-te a nós e vem refletir, discutir e encontrar estratégias para desmontar discursos discriminatórios, xenófobos e simplistas.

Fascismo #nuncamais (25 de abril sempre)!
Este é o mote da campanha da Academia Cidadã para valorizar e fortalecer a democracia, identificando, desconstruindo e eliminando práticas anti-democráticas.

Conversas #nuncamais” são a primeira de muitas atividades da “Campanha #nuncamais”, pensada para combater o crescimento da extrema-direita em Portugal.

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.