Os refugiados estão a invadir-nos? CONVERSA #nuncamais


Partilhar / Share

Conversas #nuncamais (25 de abril sempre)!


Quando: 10 de dezembro de 2019, 21h30
Onde: Com Calma – Espaço Cultural (R. República da Bolívia 5C, Benfica, 1500-475 Lisboa)


Convidada: Miguel Duarte (HuBB – Humans Before Borders)
Moderação: João Labrincha (Academia Cidadã)


Segundo a OCDE, a afluência de refugiados à Europa terá um impacto quase nulo na demografia e na economia do continente. E, tratando-se maioritariamente de pessoas em idade ativa, chegando a países com populações envelhecidas, a tendência será para que esse impacto seja positivo.
No entanto, o medo da convivência com uma cultura desconhecida, enfatizado pela divulgação de notícias falsas sobre violações que nunca aconteceram ou a generalização abusiva de que todos os muçulmanos são radicais e chegam aos nossos países com segundas intenções terroristas, alimentada pela comunicação social que repete à exaustão termos como “crise” ou “invasão”, resultam numa opinião pública que respalda decisões políticas violadoras da Convenção de Genebra, transformando o Mar Mediterrâneo nas “câmaras de gás” do século XXI.
No Dia Internacional dos Direitos Humanos, convidamos Miguel Duarte, que enfrenta uma acusação de auxílio à imigração ilegal por resgatar pessoas da morte por afogamento no Mar Mediterrâneo.
Vens conversar connosco?


Evento no Facebook


Na terceira terça-feira de cada mês (exceto em dezembro, que será no dia 10), às 21h30, no Com Calma – Espaço Cultural (Benfica), lançaremos uma nova pergunta provocatória, baseada num preconceito, estereótipo ou bode expiatório veiculado pelos movimentos neofascistas. Junta-te a nós e vem refletir, discutir e encontrar estratégias para desmontar discursos discriminatórios, xenófobos e simplistas.

Fascismo #nuncamais (25 de abril sempre)!
Este é o mote da campanha da Academia Cidadã para valorizar e fortalecer a democracia, identificando, desconstruindo e eliminando práticas anti-democráticas.

Conversas #nuncamais” são a primeira de muitas atividades da “Campanha #nuncamais”, pensada para combater o crescimento da extrema-direita em Portugal.

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.