Os ciganos não se querem integrar? CONVERSA #nuncamais


Partilhar / Share

Conversas #nuncamais (25 de abril sempre)!


Quando: 19 de maio de 2020, às 21h30
Onde: Com Calma – Espaço Cultural (R. República da Bolívia 5C, Benfica, 1500-475 Lisboa)


Convidada: Maria Gil (ativista cigana)
Moderação: João Labrincha (Academia Cidadã)


Existe uma comunidade que vive há séculos em Portugal mas que continua a ser vista como não portuguesa. Sofre(u) perseguições, expulsões e deslocações forçadas e hoje é acusada de não se querer integrar.
O que é afinal a “integração”? Implica a anulação de tradições para se adaptarem à maioria? É a maioria que deve integrar as práticas da minoria? Ou é possível uma convivência complementar?
É a extrema-direita única responsável pela propagação de preconceitos ou apenas o veículo de uma opinião generalizada?
Estes são os motes de uma conversa para a qual convidámos Maria Gil, mulher cigana, ativista antirracista e feminista.
Vens conversar connosco?


Evento no Facebook


Na terceira terça-feira de cada mês (exceto em dezembro, que será no dia 10), às 21h30, no Com Calma – Espaço Cultural (Benfica), lançaremos uma nova pergunta provocatória, baseada num preconceito, estereótipo ou bode expiatório veiculado pelos movimentos neofascistas. Junta-te a nós e vem refletir, discutir e encontrar estratégias para desmontar discursos discriminatórios, xenófobos e simplistas.

Fascismo #nuncamais (25 de abril sempre)!
Este é o mote da campanha da Academia Cidadã para valorizar e fortalecer a democracia, identificando, desconstruindo e eliminando práticas anti-democráticas.

Conversas #nuncamais” são a primeira de muitas atividades da “Campanha #nuncamais”, pensada para combater o crescimento da extrema-direita em Portugal.

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.