Nós na imprensa


Rádio Renascença, 21 set, 2018 Várias organizações convocaram o protesto para sábado, em nome do direito à habitação e contra a especulação imobiliária nas duas cidades. Um grupo de organizações convocou manifestações para sábado, em Lisboa e no Porto, pelo direito à habitação e contra a especulação imobiliária nas duas cidades. “São coletivos que já trabalham juntos há algum tempo e que se juntaram novamente para dar voz a esta preocupação, porque se atingiu uma situação limite, com tantos despejos e preços impossíveis de alcançar para quem queira viver na cidade”, disse à agência Lusa Sílvia Jorge, uma das subscritoras da iniciativa Em Lisboa, as ações vão decorrer sob o lema “Pelas nossas casas, pelas nossas vidas Lutamos!”. A concentração está marcada para o meio-dia, no Largo Pina Manique, seguindo-se, às 15h30, um desfile até à Ribeira das Naus, onde os manifestantes pretendem ficar até à meia-noite. No Porto, a […]

Coletivos manifestam-se em Lisboa e Porto pelo direito à habitação


Abril.pt / Lusa 22 de Setembro de 2018 Neste sábado, as maiores cidades do País foram palco de manifestações, convocadas por dezenas de organizações, por habitação acessível a todos e contra a especulação imobiliária. «A habitação não pode ser um privilégio, a habitação é um direito» e «A casa a quem a habita» foram duas das frases que se podiam ler nos inúmeros cartazes dos manifestantes que exigem do Governo novas regras que regulem as rendas e acabem com a especulação imibiliária. A iniciativa realizada em Lisboa e no Porto junta organizações como a SOS Racismo, a Academia Cidadã, a APPA – Associação do Património e População de Alfama, a Assembleia Feminista de Lisboa, a Associação de Moradores e Moradoras do Centro Histórico do Porto e a Associação Terapêutica do Ruído, entre muitas outras. Na base do protesto, está a defesa do direito à habitação e a necessidade de acabar com a descaracterização dos núcleos históricos, responsável pelo desalojamento diário de moradores que faziam parte da […]

Lisboa e Porto reivindicam o direito à habitação



Portugal tem que proteger recursos naturais de contratos “irrisórios”, defende bloquista Pedro Soares. Consulta pública termina esta terça-feira. O Bloco de Esquerda vai pressionar o Governo a suspender imediatamente os processos de concessão, exploração e extracção de petróleo e gás na região centro. Os bloquistas avançaram com um projecto de resolução no Parlamento, recordando que nas áreas de Batalha e Pombal há “contratos activos e trabalhos a decorrer” para que a empresa Australis Oil & Gas possa explorar possíveis recursos fósseis “numa faixa litoral que se estende das Caldas da Rainha a Soure”. Questionado sobre apoios parlamentares, Pedro Soares, deputado do Bloco de Esquerda e presidente da Comissão de Ambiente, frisa que o apoio local é forte. “Nenhum dos presidentes de câmara é do BE. O autarca da Batalha [Paulo dos Santos], é do PSD e está solidário com esta posição. Julgo que haverá condições para termos uma maioria parlamentar”, […]

BE pressiona Governo a acabar com exploração de petróleo e gás na Batalha e Pombal


DN / Lusa, 30 Janeiro 2019 Mais de 60 organizações, a maioria de defesa dos direitos LGBTQIA, de vários países, Portugal incluído, apelaram aos membros daquela comunidade para que boicotem este ano o Festival Eurovisão da Canção, caso este se realize mesmo em Israel. “Juntamo-nos aos crescentes apelos de todo o mundo e pedimos aos membros da comunidade LGBTQIA [Lésbica, Gay, Bisexual, Transgénero, Queer, Intersexo, Assexual] que boicotem o Festival Eurovisão da Canção 2019, desde que Israel seja o anfitrião”, lê-se na carta, divulgada e subscrita por organizações de países como Alemanha, França, Estados Unidos, Bélgica, Honduras e Portugal. Este ano, o Festival Eurovisão da Canção decorre em Telavive, Israel, depois de no ano passado o país se ter sagrado vencedor do concurso, que decorreu em maio em Lisboa, com a música “Toy”, interpretada por Netta Barziliali. As semifinais do concurso estão marcadas para 14 e 16 de maio e a cerimónia […]

Mais de 60 organizações de vários países apelam a boicote à Eurovisão em Israel



Correio da Manhã, 04.09.18 Concentração marcada para dia 22 de setembro nas duas cidades. Várias organizações convocaram na segunda-feira manifestações para Lisboa e para o Porto no dia 22, pelo direito à habitação e contra a especulação imobiliária nas duas cidades. “São coletivos que já trabalham juntos há algum tempo e que se juntaram novamente para dar voz a esta preocupação, porque se atingiu uma situação limite, com tantos despejos e preços impossíveis de alcançar para quem queira viver na cidade”, disse à agência Lusa Sílvia Jorge, uma das subscritoras da iniciativa Em Lisboa, as ações vão decorrer sob o lema “Pelas nossas casas, pelas nossas vidas Lutamos!”. Na capital, a concentração está marcada para as 12h00 no largo Pina Manique, seguindo-se às 15h30 um desfile até à Ribeira das Naus, onde os manifestantes pretendem ficar até à meia-noite, segundo a informação transmitida pela mesma fonte. Tanto para Lisboa como […]

Coletivos de Lisboa e do Porto convocam manifestações pelo direito à habitação


Esquerda.net 3/9/2019 Um conjunto de associações e coletivos lançou a iniciativa “Setembro de ação e luta pela habitação”, convocando manifestações para Lisboa e Porto, para o sábado, dia 22 de setembro, às 15 horas. A iniciativa está a ser divulgada pelo site manif22set.wordpress.com (link is external) e no facebook (aqui (link is external) e aqui (link is external)) e, em Lisboa, a ação terá início no Largo do Intendente. Os promotores da iniciativa referem que “veem os problemas da habitação e das nossas cidades agravarem-se com o processo de especulação generalizada e com a privatização de espaços públicos e socioculturais”, anunciam que para além das manifestações vão realizar-se outras atividades, articuladas num “calendário comum” e com “o objetivo de discutir, denunciar, questionar e desafiar o modelo de desenvolvimento capitalista, que transforma a cidade num gigantesco negócio, subordinando-a às leis de mercado e excluindo os seus habitantes”. Apresentam também um curto […]

Manifestações pela Habitação a 22 de setembro



DN, 27 Novembro 2018 O apelo foi feito numa carta aberta às Câmaras, Assembleias Municipais e Juntas de Freguesia de todos os concelhos “diretamente afetados pelos contratos de sondagem e prospeção de gás e petróleo”, nos quais decorre, até hoje, o período de consulta pública referente às licenças para sondagem e prospeção de gás previstas para Aljubarrota (Alcobaça) e Bajouca (Leiria). “É responsabilidade das Câmaras, Assembleias Municipais e Juntas de Freguesia informar e defender a população da existência destes contratos, dos riscos associados às atividades contratualizadas e proteger o território, os recursos naturais e as atividades socioeconómicas”, defenderam hoje as associações ambientalistas. Na carta enviada aos órgãos autárquicos de 15 concelhos (Pombal, Ourém, Soure, Leiria, Marinha Grande, Batalha, Nazaré, Alcobaça, Porto de Mós, Caldas da Rainha, Santarém, Rio Maior, Figueira da Foz, Montemor-o-Velho e Coimbra), os ambientalistas apelam “à tomada de posição pública” contra a exploração de gás e petróleo. […]

DN/Lusa: Ambientalistas desafiam 15 autarquias a opor-se à exploração de gás em Alcobaça e Leiria


Oben im Video: Umfrage zeigt – Grüne sind größten Gewinner seit der Wahl, SPD der krachende Verlierer António Luís Santos da Costa ist ein Verlierer. Und als solcher die größte Hoffnung der Sozialdemokratie in Europa.  Im Oktober 2015 verliert Costa mit seiner Partido Socialista die Parlamentswahl in Portugal gegen das konservative Parteienbündnis Portugal à Frente (“Vorwärts Portugal”). Mit einem gewagten Schachzug gelangt er trotzdem an die Macht: Er verbündet sich mit der linken Partei Bloco de Esquerda und den portugiesischen Kommunisten und gründet eine von diesen tolerierte Minderheitsregierung. Es ist eine einmalige Regierungskonstellation in Europa. Und eine, unter der es überraschenderweise in dem einstigen Krisenland wieder aufwärts geht.  Costas Portugal ist damit nicht nur eine ungewöhnliche Erfolgsgeschichte in Europa – sondern auch ein perfektes Vorbild für die sieche Sozialdemokratie in Deutschland. Portugals Sozialdemokratie trotzt der Krise Dabei war Portugal in den vergangenen Jahren ein Land am Abgrund. ANMELDEN UND POLITIK-TEAM FOLGEN Erhalte die […]

Wenn die SPD sich noch retten will, muss sie nach Portugal schauen



Joana Dias, coordenadora do Projeto Bola Colorida, da Academia Cidadã e Associação Nacional de Futebol de Rua, no programa Agora Nós da RTP. A Federação Portuguesa de Futebol atribuiu, pelo segundo ano, o prémio Futebol Para Todos. A nossa parceria de futebol cidadão foi uma das vencedoras deste ano. A reportagem e entrevista pode ser vista aqui. Mais informação sobre o projeto aqui ou no facebook. E aqui, o vídeo completo, com os 2 vencedores do Prémio “Futebol Para Todos”, incluindo o nosso projeto:

Na RTP, Bola Colorida, o nosso projeto de intervenção social local


30 jan 2019 15:15 Mais de 60 organizações, a maioria de defesa dos direitos LGBTQIA, de vários países, Portugal incluído, apelaram aos membros daquela comunidade para que boicotem este ano o Festival Eurovisão da Canção, caso este se realize mesmo em Israel. “Juntamo-nos aos crescentes apelos de todo o mundo e pedimos aos membros da comunidade LGBTQIA [Lésbica, Gay, Bisexual, Transgénero, Queer, Intersexo, Assexual] que boicotem o Festival Eurovisão da Canção 2019, desde que Israel seja o anfitrião”, lê-se na carta, divulgada e subscrita por organizações de países como Alemanha, França, Estados Unidos, Bélgica, Honduras e Portugal. Este ano, o Festival Eurovisão da Canção decorre em Telavive, Israel, depois de no ano passado o país se ter sagrado vencedor do concurso, que decorreu em maio em Lisboa, com a música “Toy”, interpretada por Netta Barziliali. As semifinais do concurso estão marcadas para 14 e 16 de maio e a cerimónia […]

SAPO: Mais de 60 organizações de vários países apelam a boicote à Eurovisão em Israel