Manifesto da Academia Cidadã 5


Partilhar / Share

0 geracao

A Academia Cidadã tem por objectivo impulsionar a cidadania activa e a construção de raízes de desenvolvimento com princípios de sustentabilidade social, económica e ambiental. A nossa ambição é empoderar pessoas e organizações no exercício do aprofundamento da democracia. Actividades educativas, comunicacionais e artísticas são as nossas formas de intervenção. A educação não-formal e a pesquisa participativa e activa são as nossas metodologias.

O mote da Academia Cidadã foi lançado pelas pessoas que organizaram o Protesto da Geração à Rasca, realizado a 12 de Março de 2011, iniciativa que inaugurou uma nova forma de participação cidadã na Europa, ao ser convocado nas redes sociais e sem quaisquer apoios partidários nem sindicais. Nesse dia, centenas de milhares de pessoas saíram à rua, em Portugal e no mundo, de forma pacífica, irreverente e criativa. Inspirou uma série de protestos e de movimentos nacionais e internacionais, que ficaram conhecidos por “Indignados”, como o movimento “15-M” e “Democracia Real Já” ou o movimento “Occupy”.

Depois disto, muitas pessoas têm vindo a juntar-se à Academia Cidadã, partilhando o desejo de ir além do protesto. Cooperando, queremos capacitar e dar ferramentas a muitas mais pessoas, para que estas criem as suas alternativas concretas.

Acreditamos que a política diz respeito a cada pessoa e a todas devem ser dados os meios para nela intervir, individual e colectivamente. Move-nos a convicção de que a democracia e a cidadania não se esgotam no voto. São antes uma construção, com políticas, acordes, gestos, conversas, pincéis, projectos e acções. Todos os dias e em todas as áreas da nossa vida!

A Academia Cidadã promove o aprofundamento da democracia, a dignidade da pessoa humana na sua diversidade, a multiculturalidade, a interculturalidade e a construção de uma sociedade universalmente livre, justa, consciente, crítica, solidária e fraterna.


Deixar um comentário

5 thoughts on “Manifesto da Academia Cidadã