Clipping 2019


28 Janeiro, 2019 Apesar da forte contestação recebida, o plano de renovação da Praça do Martim Moniz avançou contra a vontade de todos. Inconformada, a Associação Renovar a Mouraria promove um cordão humano, no sábado (dia 2 de Fevereiro), no qual participarão diversas entidades locais e também membros do executivo da Junta de Freguesia de Santa Maria Maior. O Movimento Morar em Lisboa promete fazer o que for necessário para impedir o avanço da obra e, para tal, ameaça colocar uma providência cautelar. “Como é que um concessionário se sobrepõe à Câmara?”, questiona o Morar em Lisboa. Os vereadores do PCP anunciam também, na tarde desta segunda-feira (28 de Janeiro), as próximas iniciativas políticas sobre esta matéria. O projecto tem sido alvo de fortes críticas. A comunidade pede um espaço público para os cidadãos e não para o desenvolvimento de interesses de exploração económica. Mas a promotora diz que “não […]

O CORVO: Aumenta contestação ao avanço da requalificação do Martim Moniz prevendo colocação de contentores