Parem de matar o nosso futuro – Fechar ALMARAZ (com vídeo)


Partilhar / Share

No passado 11 de Junho mais de duas mil pessoas pediram o encerramento da Central Nuclear de Almaraz, num protesto organizado pelo Movimento Ibérico Antinuclear (MIA), em Cáceres.

A Academia Cidadã e mais de 40 diferentes grupos estiveram presentes na manifestação. De Portugal partiu mais de uma dezena de autocarros, bem como outros de Madrid, Salamanca e Málaga. A manifestação começou às 19:30 e terminou por volta das 21h, atravessando as principais ruas da cidade. Sob os slogans « Chernobyl Almaraz, Fukushima nunca mais » e « Fechar Alamaraz por um Tejo vivo », os manifestantes percorreram Cáceres até chegarem a Praça Maior, onde foi lido o manifesto exigindo o encerramento da central em 2020.

Mais cedo, durante a tarde, a concentração começou no jardim central da cidade, onde aconteceram concertos, um exposição antinuclear bem como outras atividades de consciencialização sobre os riscos desta velha central nuclear próxima da fronteira com Portugal e servida pelo rio internacional Tejo. Crianças, ativistas e residentes estiveram presentes numa atmosfera calma e fraterna.

Yassine Jalouali – estagiário na Academia Cidadã

Deixar um comentário