Daily Archives: Quinta, 8 de Março de 2018


Mas afinal, como podemos salvar o Jamor? Melhor do que ninguém para responder a esta pergunta são a Margarida e o José da iniciativa Vamos Salvar o Jamor.   “Vamos Salvar o Jamor surgiu como um movimento de cidadãos e residentes, pacífico e apartidário, tendo entretanto adquirido o estatuto de Organização Não Governamental de Ambiente (ONGA). O movimento tem como objetivo a retirada do Plano de Pormenor da Margem Direita da Foz do Rio Jamor e sua substituição por soluções alternativas ambientalmente adequadas, social e economicamente justas.” A explicação da sua página web, bem como as partilhas que vão fazendo nas redes sociais, fez-nos pensar na obrigatoriedade de contactar este grupo de ativistas que, nos últimos anos, têm, de forma praticamente isolada, lutado contra o Golias que é o mercado imobiliário a tentar dominar a zona da Cruz Quebrada. Numa linda manhã de inverno, agradavelmente instalados numa esplanada no Centro […]

Diário de Bordo I Dia 12 I Como okupar um rio


Um oásis dentro de uma gruta. Penso que já aqui dissemos o quão paradisíaco é o lugar onde o Sr. José Amaral tem a sua horta.   É que, à primeira vista, ninguém daria nada por aquilo: no subúrbio de Queluz de Baixo (subúrbio de subúrbio, portanto), escondido por trás de prédios de construção barata dos anos 90, praticamente por baixo da endémica IC19, perdido num vale profundo e onde o sol apenas consegue entrar de esguelha. Para lá chegar é preciso descer uma ladeira que é praticamente a pique, com muito cuidado, para não escorregar nas pedras de calcário negro, gastas pelo uso e pelo tempo. Os latidos dos cães dos casinhotos construídos nos socalcos que ladeiam a íngreme descida avisam-nos que nos aproximamos de um outro universo, de uma nova realidade: aquela em que os mamarrachos dos anos 90 deixam de se ver e o IC19 deixa de se […]

Diário de Bordo I Dia 11 I Como okupar um rio