Vozes do Cabrinha – resultados dos inquéritos


Partilhar / Share

No dia 19 de novembro deu-se a festa de apresentação do Outros Campeonatos, projeto da Academia Cidadã, desenvolvido ao abrigo do BIP/ZIP da Câmara Municipal de Lisboa, com a parceria da Junta de Freguesia de Alcântara, do grupo de jovens “Ventos de Mudança”, da Associação Nacional de Futebol de Rua e do Lisbon Sustainable Tourism.

Entre outras ações de envolvimento da comunidade, foi desenvolvida a ação “Vozes do Cabrinha”, onde foram apresentados os resultados da auscultação realizada junto da comunidade, durante o primeiro mês de implementação do projeto.

 

Realização de questionários e respostas obtidas

Foram realizados questionários que procuravam saber as opiniões dos habitantes do Cabrinha, quanto à participação cidadã e organização comunitária no bairro, bem como os aspetos positivos e negativos dos espaços públicos e comuns do bairro. Foram inquiridas 53 pessoas, de forma aleatória:

slide2

 

 

Apresentamos de seguida as respostas dadas aos questionários pelos habitantes do Cabrinha:

 

Questão 1

slide3

Observa-se que a maioria das pessoas considera ter um papel ativo no bairro, nomeadamente, participando nas atividades das associações locais ou clubes, ou então promovendo a entre-ajuda. A maior parte das pessoas que disse não ter um papel ativo disse que gostaria de ter.

 

Questão 2

slide4

A maioria das pessoas afirmou não existir um grupo de cidadãos organizados no bairro, mas que essa organização comunitária é necessária. Muitos disseram que no Casal Ventoso havia uma Associação de Moradores.

 

Questão 3

slide5

slide6

A maioria das pessoas indicou sentir-se bem no espaço público do Cabrinha. As principais razões indicadas foram os laços comunitários existentes, bem como as atividades realizadas pelas associações locais.

Quanto aos respondentes que afirmaram sentir-se mal no espaço público do Cabrinha, as razões apontadas foram a falta de higiente e de segurança, em primeiro lugar, os conflitos existentes entre as pessoas, em segundo lugar, e a falta de manutenção e preservação dos equipamentos do bairro, em terceiro lugar.

 

Questão 4

slide7

A maioria das pessoas respondeu que no Cabrinha faltam muitas coisas. As mais citadas foram o comércio local,  os serviços de saúde e os serviços de educação (apoio escolar para as crianças e aulas de alfabetização para adultos). Também foi referido que falta higiene e segurança e uma maior organização comunitária.

 

Questão 5

slide8

Quanto à vinda de pessoas de fora ao Cabrinha, os respondentes disseram que vêm sobretudo visitar família e amigos, em primeiro lugar, participar nas atividades das associações, em segundo lugar, e participar em eventos comunitários e em visitas oficiais, em terceiro lugar. Nas visitas oficiais, as pessoas referiam-se às visitas dos representantes do governo ou da presidência da república.

 

Questão 6

slide9

No que diz respeito ao trabalho das associações presentes no bairro, a maioria concordou que este deve ser mais desenvolvido, sobretudo no caso das associações que não trabalham diretamente com a comunidade. Foi pedido mais apoio social, em primeiro lugar, mais atividades de convívio entre a comunidade, em segundo lugar, e mais atividades de promoção de organização comunitária, em terceiro lugar.

Deixar um comentário