Solidariedade com o Curdistão


Partilhar / Share

Concentrações contra os Curdos de

Afrin, Síria

Quinta-feira, 15 de março de 2018
Lisboa (19:00) – Embaixada da Alemanha, Campo dos Mártires da Pátria, 38
Porto (18:00) – Avenida dos Aliados

ERDOGAN PREPARA O GENOCÍDIO DE AFRIN

Desde 18 de Janeiro de 2018, o cantão curdo de Afrin é bombardeado pelo Exército do Estado Turco de Erdogan. As ocupações de vilas e os ataques a alvos civis demonstram bem o seu interesse em aniquilar o povo curdo de Afrin. Sobre o pretexto de intervir para eliminar grupos terroristas, o Ditador Turco, apoiado pela extrema direita, tenta esmagar a autonomia que os Curdos conquistaram nas suas lutas contra o Estado Islâmico.

Ironicamente, a Turquia tem como aliados os grupos jihadistas FSA e a muito conhecida, Al-Qaeda. Erdogan e o seu Estado são responsáveis pelo dizimar de várias aldeias curdas, tendo apenas neste ataque já morrido mais de 400 civis. Qualquer civil que tente abandonar a zona de guerra é perseguido pelo exército de Erdogan. O Estado Turco cortou no dia 9 de março o acesso a água a Afrin. Neste momento estão milhares de pessoas dentro de um cerco genocida. O carácter terrorista de Erdogan expressou-se ainda através do uso de armas químicas, incluindo Napalm, violando a lei internacional mais uma vez.

 

Quem são os responsáveis?

Não é só Erdogan o responsável dos crimes contra a humanidade aqui enumerados. São também responsáveis o Estado Português, os Estados da União Europeia, os órgãos da mesma, a NATO, o silêncio da ONU e seus Estados integrantes, o silêncio dos média em Portugal e no mundo. São também responsáveis: as empresas e bancos que financiam e disponibilizam a venda e compra de material bélico para o Exército Turco; e o Estado Alemão, que além de permitir e incentivar, ainda censura o movimento curdo.

Numa ação de solidariedade internacional, queremos demonstrar que os Curdos de Afrin não estão abandonados. No Porto ou em Lisboa, junta-te às nossas concentrações contra o genocídio curdo de Afrin. Ajude-nos a divulgar estes eventos.

Pelo fim do genocídio de Afrin,
Pelo fim do consentimento da UE,
Por solidariedade aos povos do Curdistão,
Nós manifestamos!

Estas ações estão a ser organizadas em parceria com:

Plataforma de Solidariedade com os povos do Curdistão
– Resistência Estudantil Luta e Liberdade, RELL-Porto e RELL-Lisboa
Guilhotina.info
Um Ativismo por Dia

 

Informa-te:
– Euronews, Exército turco cerca já Afrin
– Aljazeera, Turkey forces encircle Kurdish-controlled centre of Afrin
– Newsweek, Afrin under siege: Turkey prepares to crush Kurdish Enclave
– Independent, Syria’s war of ethnic cleansing: Kurds threatened with beheading by Turkey’s allies if they don’t convert to extremism

– RTP notícias, Civis querem servir de escudos humanos em torno de Afrin contra a Turquia

Deixar um comentário