Clipping 2017


24 Janeiro, 2017 “É cada vez mais difícil morar em Lisboa”. Começa assim a carta aberta “Morar em Lisboa”, endereçada ao Governo, aos deputados, ao município e aos cidadãos, redigida, na semana passada, por um conjunto de instituições e indivíduos ligados ao meio académico, sobretudo arquitectos, geógrafos e sociólogos, e ao activismo social. Pedem a tomada de medidas urgentes para inverter o que apontam como a inequívoca intensificação na capital do processo de gentrificação – ou seja, a valorização imobiliária de uma área da cidade, forçando residentes com menor poder económico a sair para dar lugar a outros com maior poder. Ler mais

O CORVO: Movimento lança carta a pedir medidas urgentes pelo ...


Uma carta aberta dirigida ao Governo, deputados, município e cidadãos. Um grupo composto por cidadãos e várias organizações da sociedade escreveram uma carta aberta ao Governo, deputados, municípios e cidadãos em que dizem considerar urgente “a adoção de uma política nacional e municipal de habitação que favoreça e dinamize o arrendamento público e privado, com segurança e estabilidade”, entre outros aspetos. Ler mais

NOTÍCIAS AO MINUTO: Uma petição que pede mudanças para quem ...




19 janeiro 2017, 11:16 A “drástica” subida das rendas das casas em Lisboa está a gerar uma onda de contestação, cada vez maior, junto da sociedade civil e não só. Um conjunto de cidadãos e de 20 organizações criou o movimento “Morar em Lisboa” e escreveu uma carta aberta aos governantes a pedir “a adoção urgente de uma política nacional e municipal de habitação, que favoreça e dinamize o arrendamento, público e privado, com direitos e deveres, com segurança e estabilidade”, entre outros. Ler mais

IDEALISTA: Movimento popular pede aos governantes para limitar preços do ...